Cavalos que trabalhei

Dinâmico Itapuã

Dinâmico Itapuã

Certo dia eu estava comprando uma cabeçada em uma loja de hipismo quando veio um moço me fazer algumas perguntas. 

Conversa vai, conversa vem e eu o convidei para conhecer meus cavalos.

Ele foi todo empolgado, estava começando a montar e era um mundo novo!!! Depois de conhecer meus animais ele me fez um pedido inesperado; “Thaty você consegue achar um potro de 3 ou 4 anos, grande, e que tenha futuro?” Prontamente respondi que sim. Eu ia para a fazenda Itapuã na outra semana e certamente lá eu acharia exatamente o que ele queria!!!

Chegando à fazenda, pedi um potro realmente grande (afinal o moço passava de 1,90m). Mostraram-me alguns, mas eu já tinha um animal em mente. Eu tinha o visto de relance e já tinha gostado. 

 

Quando ele chegou, eu não tinha duvidas, assim que terminaram de apresentá-lo eu já disse que poderia ser ele. Foram encilhá-lo para eu poder montar, todos estavam super apreensivos. Era um garanhão de mais de 1,70m, de 3 aninhos de idade. Havia sido domado na semana anterior e só montado 1 vez!!!
Quando o montei tava todo durão… desconfiado, mas bastaram algumas voltas para ele ir pegando confiança. Fui gostando cada vez mais dele, ele foi me dando abertura, consegui trotar e galopar. Achei a cabeça dele ótima, tinha muita perspectiva.

 

Logo quando desmontei liguei para o meu amigo e falei “achei seu animal!!” Logo ele me respondeu “Confio em você, fecha ai e traz ele para cá”.

 

– Andaluz Brasileiro
– Nascido em 16/09/2003
– Tordilho
– Não me recordo à filiação
Chegando ao haras, meu amigo ficou louco. Era um potro enorme. Ele ficou todo radiante e foi dar o primeiro banho no novo melhor amigo.

 

Ele fazia literalmente tudo por este cavalo, dava tudo do bom e do melhor, passava horas no piquete conversando com ele. Todos os dias ele tinha que passar no haras para ver se o amigo dele estava bem!!!

 

Passaram-se alguns meses e ele começou a montar o cavalo e sempre me agradecendo pela escolha.

 

Infelizmente, algum tempo depois meu amigo morreu e seu melhor amigo ficou sozinho no haras.

 

Soube que ele foi vendido para alguém do sul do Brasil e que chegou a fazer provas de cavalos novos.

 

Tenho saudades, de ambos.

 

 

SpurThaty VidalAryBotas